A importância do Ácido Fólico na gravidez

Share on twitter
Share on facebook
Share on whatsapp
A importância do Ácido Fólico na gravidez

A importância do Ácido Fólico na gravidez

QUAL A IMPORTÂNCIA DO ÁCIDO FÓLICO ( L-METILFOLATO) PARA AS GESTANTES E PARA OS SEUS BEBÊS? POR QUE USÁ-LO ANTES DE ENGRAVIDAR? QUANDO INICIAR? QUAL A DOSE? MANTER POR QUANTO TEMPO?

O Ácido Fólico, também chamado de Folacina, Vitamina B9 ou Vitamina M, é uma vitamina do Complexo B que já vem sendo estudada desde 1964, quando houve a primeira referência de que o mesmo (os seus níveis inadequados) estaria relacionado aos processos que produzem os defeitos de fechamento do tubo neural (alterações do crânio e da coluna vertebral), tais como Anencefalia (ausência do crânio e pele), Encefalocele (fechamento incompleto do crânio, com exteriorização de tecido cerebral em saco membranoso) e Espinha Bífida (falha de fusão da porção que “fecha” a coluna vertebral – Meningocele e Meningomielocele).

Assim, e principalmente depois da década de 70, confirmaram-se as primeiras observações e pôde-se entender a importância do Ácido Fólico em prevenir tais problemas. Sabe-se que, no Mundo, nascem cerca de 300.000 crianças com algum tipo de Defeito do Tubo Neural (DTN), correspondendo a 29% das mortes neonatais associadas a anomalias congênitas em países de baixa renda. Portanto, trata-se de um grave problema de Saúde Pública que tem como principal estratégia o uso do Ácido Fólico periconcepcional como o meio mais eficaz para a prevenção dos DTNs.

Então, respondida a primeira pergunta: Qual a importância do ácido Fólico para os bebês?

Resposta: previne a ocorrência dos Defeitos do Tubo Neural (DTN).

E para as Gestantes?

Resposta: Estudos mostram que o uso do Ácido Fólico também contribui para a prevenção de Pré-Eclâmpsia, Descolamento Prematuro da Placenta, Abortamento Espontâneo e Prematuridade.

E POR QUE O L-METILFOLATO? O L-METILFOLATO, ou o L-METILFOLATO CÁLCICO, ou, simplesmente, METILFOLATO, nada mais é do que a forma ativa do ácido fólico; ou seja, quando a mulher toma um comprimido do ácido fólico, ele precisa passar por vários processos enzimáticos até se transformar no metilfolato para ser absorvido e exercer o seu efeito.

E há várias situações que podem dificultar esta absorção, tais como: mulheres com deficiência da enzima metilfolatoredutase, uso de anticonvulsivantes, doenças febris no 1º trimestre da gestação, obesidade, síndromes de má absorção (doença celíaca, doença de Crohn, cirurgias bariátricas etc.), além das próprias alterações hormonais da gestação. Portanto, ao usar diretamente o Metilfolato, ocorrerá a absorção adequada desta vitamina tão importante.

POR QUE USAR O METILFOLATO ANTES DE ENGRAVIDAR, QUANDO INICIAR E POR QUANTO TEMPO MANTER? QUAL A DOSE RECOMENDADA?

Resposta: Iniciar o uso do Metilfolato antes de engravidar permite que o mesmo esteja circulando em níveis adequados antes que ocorra o fechamento do tubo neural, que ocorre muito precocemente, até o 28º dia pós concepção, quando muitas mulheres ainda nem sabem que estão grávidas.

Assim, ele exercerá a sua função de não permitir que ocorra os Defeitos do Tubo Neural, sendo recomendado iniciar o seu uso pelo menos cerca de 01 mês antes de engravidar, mantendo até o final do primeiro trimestre da gestação. A dose recomendada é de 400 mcg diários para gestantes de baixo risco; nas gestantes de alto risco (por exemplo, gravidez anterior acometida por DTN), a dose é cerca de 10 vezes maior (4 mg), necessitando de uma formulação específica.

Últimos artigos

Sign up to On-line Consultation:

Pellentesque non dignissim metus. Fusce vitae ex turpis. Pellentesque auctor vulputate

Morbi gravida volutpat tempor. Duis velit ex, dapibus id arcu vitae, tincidunt suscipit lorem. Phasellus consectetur a metus at vehicula. Suspendisse dictum

-20%

World Leader in Vaccination for Life!

Mauris ut hendrerit diam. Sed eget blandit purus. Quisque dignissim non nisl aliquam faucibus

Get Discount Coupon Here
Infectious Disease Physician

Proin lacinia, est lobortis iaculis pulvinar, sapien erat rhoncus nisi, sed elementum risus urna non quam. Sed eu erat vulputate, euismod sem a, tristique sapien. Aliquam sagittis iaculis diam, vitae hendrerit lorem vulputate eleifend